sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

10 Coisas que aprendi fazendo um curta - Jim Capobianco

10) Não existe perfeição

Tire da sua cabeça que seu filme tem que ser perfeito. Não importa o que você faça, ele não será. Então pare de se impedir de continuar porque não está perfeito ou porque você não teve a idéia perfeita. Isso não existe. Quando você realmente olha para uma boa animação, muito daquilo é bruto e imperfeito. O Natal de Charlie Brown, os curtas da Looney Tunes, Grinch, todos tem imperfeições e todos passaram pelo teste do tempo. O que eles tem, é que são autênticos. As coisas boas vem do lugar certo e das pessoas que arriscaram. O filme é uma arte popular, um diálogo, e precisa de uma platéia para estar completo. As pessoas geralmente se escondem atrás da desculpa da perfeição porque estão preocupadas com o que os outros vão pensar. Que importa! Olha, se você estiver fazendo um curta e inclusive finalizando ele, você está fazendo algo que poucas pessoas fazem. Então pode pensar consigo mesmo (ou dizer a eles) " O que é que você fez??". Ser criativo é assustador, expor suas idéias, seu talento para ser julgado. Mas para ser honesto, o que as pessoas pensam não é seu problema, e sim deles. É claro que queremos que as pessoas gostem do que fazemos, mas se elas não gostarem é importante tentar descobrir por que. E aplicar isso no próximo filme. Essa é a beleza de se pensar em longo prazo, muitos filmes. Assista. Erre.Aprenda.

Boa sorte e divirta-se!


Fonte: www.leoanimation.blogspot.com

2 comentários:

Lucas Eric disse...

Belas palavras, me icentivaram!!!
Parabéns pelo blog aew.

f a disse...

Oi!
Encontrei por acaso seu link no blog do Paulo. Estou adorando ler essas dicas!! Parabéns pelo blog!!!


=]